Queres mudar de vida?

Os nossos hábitos são as acções que nos levam aonde nós queremos chegar, por isso, é bom que os nossos hábitos estejam alinhados aos nossos sonhos.
MAS, eu sei bem que nem sempre é fácil criar um novo hábito, ou porque nos esquecemos, ou porque na nossa cabeça há algo que nos impede de seguir em frente. Por isso, hoje trago-vos algumas dicas que vos ajudam a criar novos hábitos:

→ Encontra uma forma de te lembrares do novo hábito 
Imagina que queres beber mais água durante o dia, marca no teu telemóvel vários alarmes para te lembrarem de beberes água ou então queres começar a comer de forma mais saudável, cria uma lista de compras e não fujas dessa lista. São pequenas coisas que te vão ajudar a manter-te no foco.

→ Não esperes de conseguir nunca sair do novo hábito 
Claro, que durante a criação de um novo hábito vai acontecer de falhares um dia ou outro, continuando na ideia de uma alimentação mais saudável. É claro ao longo desse caminho vai haver um dia que tens uma festa de aniversário e tu vais comer mal e não há mal. O mal está de achares que por teres falhado uma vez que podes falhar nos próximos seis meses por causa de uma refeição. Não. Aceita a falha e na próxima refeição volta ao teu hábito. Para toda a regra há uma excepção só não podes fazer da excepção a regra. 

→ Faz o máximo dos teus hábitos de manhã cedo 
Sim, de manhã se começa o dia. Imagina que queres começar a fazer exercício físico, marca o teu despertador de manhã para acordar mais cedo, veste-te e vai para o ginásio ou faz o teu exercício em casa mesmo (já dei alguma dicas de exercícios para fazer em casa aqui), assim, é mais fácil começar a criar um novo hábito.

→ Começa agora o novo hábito 
Não esperes para amanhã se o podes fazer já. A probabilidade de nunca chegares a fazer se esperares para daqui a pouco é muito grande. Por isso, se podes, começa já.

→ Descobre o que te pôs no hábito que queres mudar 
Pensa porque é que queres mudar de hábito? Quais sãos os pontos negativos que este teu velho hábito traz para o quereres mudar? Isto vai fazer com que quando te sentires menos motivado mantenhas o hábito.

→ Encontra um porque de mudares?
Este ponto é complementar ao anterior, que é pensar nos benefícios que vás ter de mudar de hábitoE assim quando não sentires tanta vontade de continuar no foco vais pensar: “Não. Eu tenho de comer salada porque eu quero-me manter saudável e aquele hambúrguer só me vai fazer sentir pesada, inchada e não traz nada de saudável ao meu corpo. O meu foco é saúde.”, assim, é mais fácil.

→ Não tentes mudar tudo de uma vez 
Ok. Tu tens 300 mil coisas que queres mudar. O conselho mais sensato que te posso dar é: não mudes tudo de uma vez. É muito mais difícil manter o foco, vai mudando, este mês implementas 3 hábitos novos. No próximo mês mais um ou dois. Não precisas de mudar de vida num só dia. Aliás vai ser mais fácil mudar aos pouco do que mudar tudo, começa pelo mais difícil.

O que achaste destes conselhos? Já tinhas pensado neles? Quais são os hábitos que vais querer mudar nos próximos tempo, comenta aqui em baixo.

Sem-título-1

Alice & Quinn 2.0

Já falamos aqui de mudanças de vida inesperadas antes, pois então, aqui estamos outra vez a falar no assunto, porque a vida muda muitas vezes e nem sempre da forma mais agradável possível. Às vezes, são surpresas muito agradáveis e que nos dão gás para continuar, outras vezes, mudanças que nos fazem parar. Reavaliar. Quase desistir mas principalmente ver o que realmente vale a pena.

Por isso estive desaparecida. E por isso voltei. A vida acontece e testa os nossos limites. Mais uma vez, mais mudanças na minha vida e sobretudo um alerta que tenho de começar a cuidar de mim apesar de toda a confusão que aconteça no meu dia-a-dia. Precisamos de criar regras e disciplina para conseguirmos ser o melhor de nós próprios. Porquê sermos uma parcela de qualquer coisa, quando podemos ser 100%?

Por isso, quero aproveitar este post para anunciar algumas mudanças aqui no blogue e nas minhas redes sociais. Tanto num lado como no outro vou falar mais de saúde e bem-estar: os meus hábitos de meditação, de exercício físico, de alimentação, sendo que nas redes sociais vou documentar e aqui vou falar mais dos resultados que estou a conseguir. Lembrando: eu não sou médica, por isso, tudo o que mostrar aqui será apenas a minha experiência. Quero também trazer mais conteúdo motivacional e inspirador, que vos incentive a ser a melhor versão de vocês mesmos.

Outra coisa que vai mudar por aqui é a frequência de posts de viagens, quero começar a conhecer mais sítios e como é óbvio quero trazer-vos comigo.

Por fim, quero trazer-vos conteúdos divertidos e de opinião, histórias contadas à minha maneira, para vos fazer rir e para vos fazer pensar.

O que acham da ideia? Deixem nos comentários o que acharam. Conto convosco, nesta versão 2.0 do Alice & Quinn.

Sem-título-1

E depois, a vida muda.

A vida às vezes faz-nos algumas surpresas.

Passamos a vida a desejar uma coisa e às vezes quando lá chegamos percebemos que não é bem aquilo, às vezes percebemos que apenas desejávamos aquilo porque toda a gente nos dizia que era aquilo que devíamos desejar, acreditávamos que era aquilo que queríamos e quando lá chegamos percebemos que não é aquilo de todo. Mas, há sempre lições a tirar e há sempre algo a aprender em todas as situações.

O segredo é mantermo-nos muito atentos a cada situação, perguntar-nos se estamos no caminho correcto para aquilo que realmente queremos e temos de ter consciência se estamos a seguir pela nossa cabeça ou se apenas estamos a seguir o eco da sociedade.

Eu já algumas vezes me deparei a deixar-me ir pelo que os outros dizem que é correcto e por aquilo que a sociedade diz que é possível. É aqui que temos de parar e pensar:

Espera. É mesmo isto que eu quero?

A partir daqui temos de ajustar à nossa realidade para conseguirmos o máximo possível para chegar ao nosso destino.

Não é preciso dar passos enormes de uma vez, pequenos passos dados com regularidade fazem toda a diferença, muitas vezes mais diferença do que grandes passos dados de vez em quando. Por isso, mesmo quando a vida muda, quando te deparas situações que não são aquilo que tu imaginaste ou aquilo que tu realmente querias.

Pára.

Ouve o que tu tens a dizer a ti próprio.

E ajusta-te.

Vais ver que nada na vida acontece por acaso e que podes aprender muito em todas as situações e que estamos constantemente a receber estímulos que nos levam a um próximo nível da jornada.

É neste momento que eu estou, estou no momento de parar, ouvir-me e descobrir qual é o caminho que eu realmente quero seguir e o que eu posso fazer na minha situação actual. É impressionante como a nossa alma grita connosco e como a vida nos mostra que aquilo que sonhamos não é a realidade e nos mostra que sempre soubemos o que queríamos. No entanto é também impressionante ver o quanto a vida nos põe a frente os desafios necessários para chegar ao destino. Mantém-te atento e vais ver que a vida está constantemente a ensinar-nos, mesmo quando parece que apenas nos está a “castigar” é tudo uma questão de perspectiva. Pergunta-te sempre:

O que é que eu posso aprender aqui?

As respostas vêm mais facilmente do que pensas.

Mantém-te positivo e vais ver que há uma explicação para tudo na vida. Acredita.

Vocês também estão neste processo ou já passaram por ele? Conte-me um bocadinho da vossa experiência nos comentários.

Sem-título-1