A meditação não é um bicho de 7 cabeças!

Já todos nós ouvimos falar de meditação, se lêem os meus posts regularmente sabem que eu já falei algumas vezes de meditação mas hoje venho desmistificar esta prática. Quando falo sobre a meditação normalmente a expressão que eu mais ouço é: “Aí, isso não é para mim, eu não consigo ficar quieta durante tanto tempo”. E a realidade é que ao princípio ninguém consegue. Logo a seguir ouço “Aí, mas eu não consigo ficar tanto tempo sem pensar em nada” e mais uma vez volto a dizer que no início ninguém consegue.

Por ouvir tantas vezes estas respostas hoje decidi vir aqui falar sobre isto, porque acho muito importante a prática da meditação e acho que muitas mais pessoas podiam beneficiar dela se não tivessem este “medo” ou preconceito com a meditação.

A meditação traz-nos um alívio de stress extremamente importante que nos pode ajudar não só a ser mais felizes, como a conseguir sermos mais produtivos tanto na nossa vida como no nosso trabalho, muitas vezes, sem nos darmos conta começamos a entrar num estado de stress e de pânico que nos paralisa, perdemos o controlo de nós mesmos e perdemo-nos com coisas que muitas vezes podem até ser sem noção. Este stress pode afectar todas as áreas da nossa vida, como o sono, a concentração, os relacionamentos e a saúde. Por tudo isto eu considero tão importante a meditação, porque nos alivia do frenesim do dia-a-dia e da pressão social que nos é imposta todos os dias.

Ao contrário do que muita gente pensa, para meditar, não é preciso estar meia hora parados num sítio a pensar em nada, muito pelo contrário, para começar devemos ir aos poucos. Em momentos de muito stress e de muita agitação, podemos apenas parar um minuto, tomar consciência da nossa respiração e tomar controlo dela ao fazer inspirações e expirações completas, ou seja, até encher os pulmões sem criar esforço e ao expirar relaxar os músculos do corpo, esta é uma forma de voltarmos ao aqui e agora de forma fácil e rápida.

No entanto, é bom guardarmos um tempinho para fazer uma meditação maior, seja ao acordar para nos prepararmos para o dia que aí vêm e/ou à noite para nos aliviarmos do dia que tivemos. Para estes momentos podemos começar com meditações de 5 minutos, há muitas meditações no YouTube e até existem apps com meditações de todas as durações. Nestas meditações, normalmente, o foco é apenas concentrar na respiração e relaxar, é assim que se inicia, com pouco tempo e pouca dificuldade e à medida que vamos ganhando prática podemos ir aumentando o tempo da meditação porque com a prática torna-se mais fácil estarmos mais tempo em estado meditativo.

Mas, e os pensamentos? Eu não consigo parar de pensar. Durante a meditação não é suposto pararmos de pensar, é claro, que o nosso cérebro vai trazer sempre assuntos à nossa cabeça, é natural, o que se faz é olhar o pensamento como uma coisa, aceitar que ele ali está, agradecer e voltar a concentrar na respiração e isto vai acontecer várias vezes durante uma meditação e é normal, o objectivo não é sentar e deixar de pensar mas é sentar, desacelerar e relaxar até eventualmente os pensamentos virem menos frequentemente à nossa mente.

Por isso, não a meditação não é preciso estar uma hora sentada a meditar, não é preciso não pensar em nada, é apenas preciso sentar, tomar consciência de nós próprios e da nossa respiração e relaxar.

Sem-título-1

Vamos lembrar de beber água?

Hoje é o dia mundial da água e por isso hoje venho relembrar dos benefícios que água traz aos nossos corpos, muita gente, esquece-se de beber água durante o dia, eu tenho de confessar que durante muitos anos eu fui uma dessas pessoas, passava dias em que bebia apenas água a hora da refeição (logo a pior hora para beber água). Há uns anos, decidi experimentar beber mais água para ver que diferença eu começava a sentir e foi aí que percebi as asneiras que andava a fazer. Primeiro comecei a sentir-me com muito mais energia e vontade de fazer coisas, depois com o passar do tempo comecei a perceber que a minha acne começou a melhorar bastante, embora a grande mudança tenha acontecido quando comecei a beber todos os dias em jejum um copo de água morna com limão. Comecei também a perceber que deixei de ter tantas dores, dores que para mim antes eram frequentes e agora essas dores passaram.

Mas estes são apenas alguns dos benefícios que eu notei, porque existem muitos mais:

  1. Previne a pedra nos rins;
  2. Alivia a azia e a indigestão;
  3. Previne infecções;
  4. Fortalece o sistema imunitário;
  5. Melhora a memória;
  6. Desacelera o envelhecimento da pele;
  7. Aumenta a imunidade;
  8. Melhora a qualidade do sono;   

Por estes motivos todos, por favor, bebe água. Já sabes que um litro e meio é o mínimo para que o teu corpo funcione como deve ser e para prevenires outras doenças. Pensa no teu corpo como uma panela a ferver, se tu não lhe deres água o teu organismo vai consumir toda a água que tem em reserva e vai começar a estragar a tua saúde a procura de mais água.

Bebe água e sê mais saudável.

Sem-título-1

As tuas raízes precisam de ajuda?

Esta raiz é representada pelo vermelho e está no fundo da coluna.

É um chakra extremamente importante por nos trazer instinto de sobrevivência, capacidade de integração e vitalidade. Quando está equilibrado sentimo-nos: corajosos, estáveis, pacientes, saudáveis, bem-sucedidos e seguros.

Já quando está em desequilíbrio, somos assaltados por sentimentos de: insegurança, raiva, tensão, violência, paranóia, negatividade e falta de vontade de viver. Por isso é fundamental equilibrarmos este chakra, porque no final das contas é essencial termos vontade de viver para seguirmos com a nossa vida.

Para conseguirmos manter o equilibro é importante fazer caminhadas o mais próximo possível da natureza, seja na praia ou num jardim. É interessante também o uso de roupas ou acessórios vermelhos, comer alimentos vermelhos e a prática de yoga, meditar (com especial atenção nesta zona) e fazer uma ou mais sessões de reiki.

É importante manter, TODOS os chakras em equilíbrio, nenhum é mais importante que o outro, eles estão todos interligados e caso haja um em desequilíbrio, os outros vão sim sofrer também, por isso, cuida-te.

Importante também é lembrar que caso sintas alguma coisa fora do normal é SEMPRE importante consultar um médico, quando estes desequilíbrios passam para a forma física é essencial ir ao médico.

E tu? Sentes algum desconforto? Algum destes sintomas? Comenta aqui.

Sem-título-1

Laríngeo? O que é isso?

Se não sabes o que é o laríngeo, eu explico.

É um chakra que está na garganta e influência, principalmente a nossa capacidade de comunicação, mas também a nossa capacidade de pôr em prática os nossos objectivos. Representado pela cor: Azul-Céu, o Laríngeo faz, também, com que as energias negativas não atinjam a cabeça (quando está equilibrado).

Tu consegues perceber se ele está equilibrado quando sentes: que te consegues comunicar com facilidade, sentes-te integrado, tens capacidade de auto descoberta, tens maior percepção do universo (tanto físico, como espiritual), tens maior consciência dos teus actos, mais facilidade em respirar, sentes que a tua energia está purificada e consequentemente sentes-te em paz.

quando o chakra está desequilibrado, sentes dificuldade de expressão, depressão, sensação de vazio na vida, começas a sentir transtornos de ansiedade, problemas de respiração e de tiróide, a tua pele começa a dar sinais de desequilíbrio e falta de autocontrolo.

Para manteres este chakra em equilíbrio, é fundamental que não guardes dentro de ti coisas que queres dizer, mesmo que não possas dizer tal como o pensas, podes sempre passar a tua mensagem de uma forma mais “amigável”, o importante é que não guardes as coisas dentro de ti. Desabafa: com alguém de confiança, com um profissional mas desabafa. A meditação já é um clássico mas é sempre essencial, foca-te na cor do chakra e faz uma meditação centrada nele. Ou então podes sempre contactar alguém que transmita de reiki para uma sessão.

Importante é mantermos os chakras equilibrados, para que não surja nenhuma doença física. Neste caso, poderiam surgir doenças: na tiróide, voz, pulmões, garganta, nariz e/ou ouvidos. Por isso, vamos trabalhar para manter os chakras sempre em equilíbrio.

Tu sentes algum destes sintomas? Comenta aqui para eu te poder ajudar.

Sem-título-1

Sabes que a terceira visão existe mesmo?

É verdade. Existe mesmo a terceira visão e é um chakra na testa, representado pela cor índigo. Este chakra desenvolve-se na adolescência e quando está equilibrado traz sintonia nos hemisférios do cérebro, capacidade de discernimento, capacidade de compreender a profundidade da vida, compreensão do nosso guia interior e ajuda-nos a elevar a consciência.

quando não está equilibrado ele traz ilusões, visualizações negativas, indecisão, desgaste mental e dores na testa. É por isto muito importante manter a energia a fluir neste chakra, e para isso podemos fazer algumas coisas muito simples:

  • Meditação, para tratares este chakra específico deves concentrar-te principalmente nele e na sua cor durante a meditação.
  • Pensamentos Positivos: Como já te disse aqui no blog, pensamentos negativos toda a gente têm, no entanto, deves sempre substituir esses pensamentos negativos por pensamentos positivos e com este exercício tu vais começar a reprogramar o teu cérebro.
  • Ler: textos / livros que sejam positivos, de preferência em papel já que não esforça tanto a visão.
  • Ar fresco: sai de casa e vai apanhar ar, principalmente se viveres no campo, perto da praia ou de algum jardim. Conecta-te com a natureza, se possível, anda descalço. Se trabalhares no meio da cidade e longe de jardins, não importa, sai na mesma, nem que sejam 5 minutos, apanhar sol vai melhorar o equilíbrio deste chakra.
  • Reiki: se puderes, procura alguém que transmita reiki na tua zona e pede por uma sessão, a dor vai passar logo.

Mas acima de tudo este chakra precisa de meditação e de pensamentos positivos, quanto mais tu o usares e estiveres rodeado de um ambiente negativo mais deves reforçar estas práticas para conseguires manter o equilíbrio.

E tu? Sentes que tens a tua terceira visão em equilíbrio? Conta-me aqui nos comentários.

Sem-título-1